Senador sugere que bancada do Piauí cobre ações da presidenta Dilma
senadores

– Bancada tenta encontrar uma solução para agilizar as urgentes demandas do Estado do Piauí

Na última reunião da bancada federal do Piauí em Brasília, com a presença dos três senadores e da maioria dos deputados federais, o senador Wellington Dias (PT) defendeu que os parlamentares devem procurar diretamente a presidente Dilma Rousseff (PT) para resolver as questões relacionadas à demanda dos piauienses.

O senador argumentou no sentido de que se a Esplanada dos Ministérios não está resolvendo, está morosa ou existe situações das quais não tem poder de decisão, que “se vá diretamente à presidenta Dilma”.

“Ora, se os ministros não estão resolvendo, eu concordo que devemos sim procurar a presidente. Se têm coisas que ministro não resolve, vamos à presidente”, defendeu.

Membros da bancada, como Marllos Sampaio (PMDB) acreditam, assim como Dias, que falta efetividade nas ações do grupo. Segundo o peemedebista existem às reuniões, são boas as intenções, “mas não vi ainda resultado concreto”. A declaração foi declinada pelo parlamentar ao coordenador da bancada, senador João Vicente Claudino (PTB), durante o encontro.

Um dos exemplos de situações que não estaria sob a alçada de ministro de estado seria a autorização das hidrelétricas e a exploração de gás em regiões que envolvem os estados do Piauí e do Maranhão.

Segundo Wellington Dias, há informações, vindas do próprio ministro das Minas e Energia, Edson Lobão, de que só a presidente Dilma é quem pode autorizar essas demandas. “Daí a necessidade de procurá-la”, reforçou.

Outra Audiência

Embora os parlamentares do estado deem sinais claros de cansaço com relação às inúmeras peregrinações aos ministérios sem resultados efetivos, uma reunião entre eles e o ministro Lobão está agendada para próxima quarta-feira no próprio ministério. Na pauta, as hidrelétricas e a exploração de gás.

PortalAZ

divisao

0 Comentário Publicar Comentário

Seja o primeiro a comentar.