Polêmico Chael Sonnen é condenado a dois anos de liberdade condicional nos EUA por lavagem de dinheiro
UFC/Divulgação

Sonnen se livrou de pegar 20 anos de prisão, além de multa de R$ 800 mil

Depois de passar por uma nuvem negra na carreira, o marrento Chael Sonnen pode, enfim, se programar para retornar ao octógono do UFC. Na tarde desta sexta-feira (8), o porta-voz do escritório da Corte Distrital dos EUA, Gerri Badden, o condenou a pagar uma multa de R$ 15 mil, além de cumprir 24 meses de liberdade condicional.

A sentença pode ser considerada branda, já que a pena do atleta poderia chegar a 20 anos de prisão, além de multa de R$ 800 mil devido à acusação de lavagem de dinheiro referente ao período em que Sonnen trabalhou como corretor de imóveis nos EUA. Em janeiro deste ano, o americano de declarou culpado.

Este deve ser o fim da nuvem negra que rondava a carreira do ex-campeão nacional de wrestler. Flagrado no exame antidoping após o combate contra Anderson Silva no UFC 117, em agosto de 2010, o americano teve seu contrato com o maior evento de MMA do mundo congelado até que ele resolvesse todos seus problemas judiciais.

Aos 34 anos, Sonnen, que possui um cartel de 25 vitórias e 11 derrotas, viu seu nome ser cogitado como próximo treinador do reality show do UFC, o The Ultimate Fighter, ao lado do também polêmico Michael Bisping.

Fonte:http://esportes.r7.com/

divisao

0 Comentário Publicar Comentário

Seja o primeiro a comentar.