Ministério Público vai ingressar com ação cívil contra o estado para instalação de IML em Parnaíba
O Promotor dos direitos difusos e coletivos, Dr. Antenor Filgueiras, esteve na manhã de hoje no hospital estadual Dirceu Arcoverde, para ver de perto as instalações do nicrotério daquele hospital que faz as vezes de um IML em Parnaíba. O promotor estava acompanhado de representantes do corpo de bombeiros, da vigilância sanitária do município, secretários municipais, do subdelegado do ministério do trabalho, Dácio Almeida e do procurador do município, Renato Bacelar.
O promotor de justiça Dr. Filgueiras no nicrotério 
do Heda com equipe do Corpo de Bombeiros
Autoridades fazem levantamento da situação
A vigilância sanitária de Parnaíba, foi solicitada pelo promotor para fazer um relatório da situação de funcionamento do nicrotério, que não pode ser comparado a estrutura de um IML, os corpos são examinados nas pedras cadavéricas, muitas das vezes, entram em estado de decomposição por conta da demora no atendimento por parte dos peritos credenciados pela secretaria de segurança.
Equipe da vigilância sanitária do município elabora
relatório que será entregue ao promotor de justiça
As reclamações são muitas, os familiares dos mortos, passam horas e horas no Dirceu sem saber para quem apelar, como se não bastasse a dor que eles sentem com perda de um ente querido, ainda tem que passar até 24hs, esperando a liberação do corpo, que só acontece com a chegada de um dos três peritos credenciados pelo estado. Diante deste quadro, o promotor de justiça, Dr. Antenor Filgueiras disse que vai ingressar com uma ação cívil pública contra o estado para a criação de um IML em Parnaíba.
 Pedras cadavéricas do Dirceu, onde muitas das vezes, corpos 
de vítimas apodrecem por falta de legista para examina-los.
Maca velha utilizada quando as pedras 
cadavéricas estão lotadas de corpos
Agora o que ninguém entende é que há muitos anos, estados vizinhos, como o Ceará, tem IML fora da capital, em Sobral e Juazeiro do Norte. E no Maranhão, tem na capital e na cidade de Imperatriz, no Piauí somente em Teresina.
Nicroterio fiscalizado pelas autoridades

Reportagem e imagens de Yuri Gomes
Fonte: portaldocatita
Edição: chamadageral

divisao

0 Comentário Publicar Comentário

Seja o primeiro a comentar.