Lula volta dos EUA e vai à missa em homenagem a Alencar

Cerca de 700 pessoas compareceram à cerimônia em lembrança do ex-vice-presidente

Paulo Pinto/AE

O ex-presidente Lula e sua mulher, Marisa Letícia, estiveram presentes em 
cerimônia que reuniu neste sábado (9) cerca de 700 pessoas
na Catedral da Sé, em São Paulo

 Cerca de 700 pessoas estiveram neste sábado (9) na Catedral da Sé, no Centro de São Paulo, para a missa em memória do ex-vice-presidente José Alencar. A cerimônia contou com a presença do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, recém-chegado de viagem aos EUA. A presidente Dilma Rousseff não pôde comparecer e enviou o secretário-geral do governo Gilberto Carvalho como seu representante. Dilma está em viagem oficial fora do Brasil.

A viúva de Alencar, dona Mariza, sentou-se na primeira fila ao lado dos filhos Josué e Maria das Graças. A filha Patrícia resolveu se sentar um pouco mais afastada. Junto da viúva também estavam o ex-presidente Lula e sua esposa Marisa Letícia. Os cinco netos de Alencar, Ricardo, Giovana, Josué, Barbara e Davi, fizeram leituras ao longo da cerimônia presidida pelo arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Scherer.

O governador e o prefeito de São Paulo não estavam presentes. No entanto, Gilberto Kassab foi representado por José Gregori, secretário especial de Direitos Humanos. Ele ressaltou a importância política e empresarial de José Alencar em um discurso antes do final da cerimônia.

Também falaram Gilberto de Carvalho e o filho de Jose Alencar. Carvalho se pronunciou em nome da presidente Dilma e lembrou da cumplicidade entre Lula e seu então vice-presidente.

– José Alencar foi marcado por sua humanidade. Eu tive a sorte de ver crescer a cumplicidade e o amor entre Alencar e Lula, o que fez esses oito anos de governo dar certo.

O filho de Alencar agradeceu a presidente Dilma e ao ex-presidente Lula e também a todo o povo brasileiro “que enviou mensagens de apoio e carinho de todo o país”. Durante o a fala de Josué, dona Mariza que não havia chorado na cerimônia até então ficou bastante emocionada.

O ex-presidente Lula, que chorou durante o discurso de Gilberto de Carvalho, se pronunciou ao deixar a cerimônia.

-É sempre difícil lembrar a perda de Alencar, mas faz parte da vida.

Também estiveram presentes na celebração os senadores Eduardo Suplicy e Marta Suplicy; os ex-ministros Marcos Vinícius Luiz e Luiz Antônio Furlan; o ex-governador de São Paulo Fleury Filho, além do deputado Paulo Maluf e o rabino Henry Sobel.

Fonte:http://noticias.r7.com/

divisao

0 Comentário Publicar Comentário

Seja o primeiro a comentar.