Boa Esperança chega a 99% do volume, mas não abrirá comportas

Usina em Guadalupe está com nível máximo, mas não há risco aparente de novas enchentes.

Às 6h da manhã desta segunda-feira (23), a usina de Boa Esperança, em Guadalupe, atingiu 99,22% de sua capacidade de armazenamento, mas suas comportas permanecerão fechadas. Segundo Airton Feitosa, gerente regional de Operação Oeste da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco – CHESF – a vazão de água que chega ao rio Parnaíba é compatível com os níveis de segurança. 
Divulgação Chesf
“Estamos liberando apenas a água que passa pelas turbinas e gera energia elétrica. O período de chuvas na bacia do rio Parnaíba está finalizando. Esse volume de água garante o abastecimento do rio e o fornecimento de energia ao longo do ano”, disse Airton Feitosa, afastando o risco de enchentes, salvo qualquer mudança na meteorologia.
Tanto o rio Parnaíba como o Poti estão longe da vazão de alerta, que apresentaria riscos de inundações. Dos açudes no interior do Ceará, somente o Cupim, no município de Independência, atingiu o máximo da sua capacidade. A vazão destes açudes, que foge ao controle das autoridades, foi apontada como a responsável pela última enchente em Teresina, em 2009.
Fábio Lima
Fonte: cidadeverde

divisao

0 Comentário Publicar Comentário

Seja o primeiro a comentar.